Iniciativa de alunos da São Francisco de Assis foca em histórias inspiradoras

Projeto 'Bem Me Fez' destaca engajamento social

Ideia é produzir conteúdo multimídia sobre histórias inspiradoras - Reprodução

Os alunos da disciplina de Jornalismo Online I, do curso de Jornalismo da Faculdade São Francisco de Assis (FSFA), criaram o projeto 'Bem Me Fez'. A ideia é produzir conteúdo multimídia pensando em contar histórias inspiradoras que promovam o bem. A iniciativa busca dar mais espaço para notícias positivas, contrariando a enxurrada de matérias negativas veiculadas diariamente na mídia.

Os alunos, coordenados pela professora Michelle Raphaelli, buscaram inspiração na frase 'Bem me quer, mal me quer'. Eles, então, trocaram o verbo 'querer' por 'fazer', que surgiu o conceito central do trabalho. 'O bem que me fez, o ato de fazer o bem' é a proposta da iniciativa. Entre as bandeiras defendidas pelos 11 alunos da disciplina se destacam: promover e incentivar ações do bem, provocar diálogos e engajar a sociedade para desenvolver ou participar de projetos sociais.

"A sacada do nome do projeto surgiu do intuito de fazer o bem sem olhar a quem, e do 'loop' que ele faz - bem me fez ler essa notícia; bem me fez ajudar essa pessoa; bem me fez contar essa história - e o melhor é que a turma abraçou o projeto", explica Vanessa de Oliveira, uma das alunas envolvidas na iniciativa. A identidade visual foi criada pela Frade, Agência Experimental da FSFA,  composta por alunos dos cursos de Publicidade e Propaganda e Jornalismo da instituição. O projeto foi lançado em meio à semana acadêmica da faculdade, que ocorreu entre 27 e 29 de maio.

A cada aula, os alunos publicam conteúdos novos, respeitando uma escala e um cronograma que permite que todos experimentem passar por todas as funções da redação. A turma foi distribuída entre repórteres, editores, produtores de conteúdo em redes sociais, áudio e vídeo, simulando o ritmo de uma redação online real. "A ideia do projeto é mostrar as histórias de personagens reais que atuam promovendo o bem nas comunidades. E essa não é uma tarefa fácil, pois muitos destes agentes do bem querem se manter no anonimato. Os alunos têm este desafio, além da publicação multimídia - eles precisam descobrir histórias e contá-las com sensibilidade, buscando contagiar o leitor, espectador ou ouvinte", conta a professora Michelle Raphaelli.

Até o final do semestre, os alunos terão que produzir para o projeto 'Bem Me Fez', cerca de 10 matérias, sendo que algumas delas contarão com vídeos e podcasts. A equipe do 'Bem Me Fez' pode ser conhecida pelo link.

Comments