Desde os tempos do fax

Por Flavio Dutra

Parece que foi ontem.  Dessa forma bem tradicional para iniciar um texto memorialístico é que estabeleço minhas ligações histórias com o Coletiva.net. A verdade é que parece mesmo que foi ontem que o Fuscaldo, o Vieirinha e o LF Morais começaram a editar um boletim de informações sobre a indústria da comunicação, o embrião do portal que celebra agora 20 anos. Inicialmente distribuído em fax (consulta rápida ao Google para saber do que se trata) evoluiu tecnológica, editorial e empresarialmente, até o estágio atual sob o comando da Márcia Christofoli e equipe.

Foi no Coletiva.net que cometi minha primeira crônica ('Quase lá', acho que em 2008 ). Foi no Coletiva.net que publicaram um exagerado perfil meu, quando assumi a Comunicação do governo Rigotto. Foi no Coletiva.net que se noticiaram minhas idas e vinda profissionais - e não foram poucas no período. Foi no Coletiva.net que me envolvi em uma ou outra polêmica, nos tempos em que as redes sociais ainda engatinhavam antes de assumirem os bate-boca digitais. Foi no Coletiva.net que tive espaço para divulgar os livros que publiquei, graças ao embalo motivado por aquela primeira crônica. Foi por uma iniciativa do Coletiva.net, junto com a Esade, que tomei coragem, já sessentão,  para voltar aos bancos escolares e cursar uma especialização em Jornalismo Empresarial.

Nossos laços se estreitaram ainda mais quando fui convidado  - intimado, seria o termo mais  adequado, né Márcia - para ocupar uma das vagas de colunista semanal, o que faço com imenso prazer às segundas-feiras, desde setembro do ano passado. Trato o espaço com carinho, tanto assim que fico lapidando o texto até domingo de manhã quando aviso a redação sobre o envio do que considero a edição final. Agora me dou conta de que já postei quase 30 colunas nesse período de convivência com companheiros num espaço de pluralidade de posições. Essa é outra característica do portal, eu diria um predicado e tanto nestes tempos de pouca tolerância com o contraditório: todos se manifestam livremente nas colunas e nos artigos.

Mais recentemente, a edição anual da revista Tendências passou a prestar mais uma valiosa contribuição à Comunicação ao apontar caminhos futuros e desenhar inovações para essa área. Cada edição dá vontade de ler do começo ao fim numa sentada.

Penso que uma comemoração como os 20 anos do Coletiva.net mereceria um texto mais épico, mas já me considero de casa e preferi resgatar o melhor, pela parte que me toca, da relação nessas duas décadas de convivência. Agora fico à espera da boca-livre festiva, para a qual certamente serei convidado e onde proporei um brinde, com votos de pelo menos mais 20 anos, mais 20, mais 20 para a nossa Coletiva.net.

Autor
Flávio Dutra, porto-alegrense desde 1950, é formado em Comunicação Social pela Ufrgs, com especialização em Jornalismo Empresarial e em Comunicação Digital. Em mais de 40 anos de carreira, atuou nos principais jornais e veículos eletrônicos do Rio Grande do Sul e em campanhas politicas. Coordenou coberturas jornalísticas nacionais e internacionais, especialmente na área esportiva, da qual participou por mais de 25 anos. Presidiu a Fundação Cultural Piratini (TVE e FM Cultura), foi secretário de Comunicação do Governo do Estado, da Prefeitura de Porto Alegre, superintendente de Comunicação e Cultura da Assembleia Legislativa do RS e assessor no Senado. Autor dos livros 'Crônicas da Mesa ao Lado' e 'A Maldição de Eros e outras histórias', integrou a coletânea 'DezMiolados' e foi coautor com Indaiá Dillenburg de 'Dueto a dois é sempre melhor'.

Comments