Transformações (não digitais) do ser humano

Por Flavio Paiva

A capacidade de transformações por que passa o ser humano ao longo da vida é imensa. Mais ainda a capacidade de superação, de transposição de todos os limites antes aparentemente intransponíveis ou que estavam quase em compasso de espera, aguardando uma oportunidade real para serem ultrapassados. Diante de uma situação choque, inesperada, o indivíduo é capaz de coisas impensáveis e lança mão de recursos que nem imaginava (ou lembrava) que tinha.

Mas então estás dizendo que o ser humano só se transforma diante de situações de choque? Claro que não. O que estou dizendo é que estas situações são catalisadores e um combustível absurdo para que as coisas, a partir de então, de fato aconteçam.

Imagine-se diante de uma situação inimaginável até horas atrás. Ou você congela, ficando em total inação, ou esta situação trará profundas reflexões acerca do que vinha ocorrendo em sua vida. As reflexões e a própria situação não são necessariamente confortáveis, normalmente não. Mas são inevitáveis. E você é impulsionado tal qual um foguete. Com, além de combustível especial e potentíssimo, uma coragem gigantesca para enfrentar todos os desafios anteriormente latentes no seu corpo, no seu ser, na sua vida. Será que as coisas retornarão (só que melhores, é claro. Bem melhores) ao estágio anterior? Em verdade não retornarão ao estágio anterior, construirão um momento infinitamente melhor pela maturidade que a situação lhe proporciona, pela coragem, pelo ímpeto, pela força. E, claro, para retornar a uma situação parecida com a anterior, será necessário, provavelmente, que outros fatores ou outras pessoas também queiram. E que principalmente você também queira.

O ser humano é um vulcão em vida, em termos de transformação. Pode até estar adormecido por um tempo, mas ao entrar em atividade leva conceitos acerca de pessoas ou fatos de arrasto. Pelo fato do ser humano ser sabidamente muito, esta fonte pode ficar escondida, perdida dentro de você. Mas ela existe. E é realmente inesgotável. Veja você mesmo: por quantas fases e mudanças já passou ao longo da vida? Difícil contar nos dedos, não é mesmo?

E quer você esteja pronto ou não, a transformação virá. Ela pode vir de forma gradual ou gerada por um baque violento. Pode ser, portanto, mais tranquila ou mais traumática. Inesperada. Fatores e pessoas externas a você, além de seu conteúdo interno e refazimento (com o perdão da palavra) de conceitos são os geradores de tudo isto. Procure manter a calma, reflita profundamente e o resultado será um ser humano muito mais dinâmico (mas muito mesmo!), intenso, revelado, maduro e pronto para a vida. Até a próxima transformação impulsioná-lo para um estágio superior.

Comments