Notícias de mercado da comunicação do RS.

Home Especiais Conheça as Premissas do The Communication (R)Evolution

Conheça as Premissas do The Communication (R)Evolution

Itens do estudo encabeçado por Flavia Moraes foram apresentados pelos jornalistas Tulio Milman e Sônia Bridi
Compartilhar
,

Com um público formado por cerca de 350 pessoas, acomodadas em confortáveis sofás, um vídeo de abertura da primeira edição do Vox passou a mensagem do evento: o comportamento humano é movido pelo compartilhamento. O jornalista Tulio Milman, do Grupo RBS, falou de forma breve sobre as chamadas Premissas do estudo The Communication (R)Evolution, encabeçado pela cineasta Flavia Moraes, diretora-geral de Inovação do Grupo RBS. Tulio convidou para dividir o palco circular com ele a jornalista da Rede Globo Sônia Bridi, que contou rapidamente a história do levantamento, conduzido por uma equipe multidisciplinar. “Pelo mundo, eles buscavam registrar o pensamento de grandes personalidades da Comunicação Mundial acerca da revolução digital”, contou Sônia.

Conforme o levantamento, a primeira premissa é Seja Verdadeiro. Ao início de outra apresentação audiovisual, é salientada a necessidade de ser autêntico e transparente nas ações do dia a dia. Após, foi destacado Seja Confiável, pois a credibilidade passou a ser o principal ativo das marcas e profissionais. Como terceiro item, foi citado Faça Parte, maximizando a participação e a proximidade entre as pessoas. A quarta premissa foi Seja Plural: “O mundo quer acessar todos os ângulos de uma mesma informação. Ninguém quer que uma conclusão seja enfiada goela a baixo”, explicou Tulio.

Pense Mobile está no quinto lugar do The Communication (R)Evolution, a qual exalta as múltiplas aplicabilidades que o mundo móvel oferece, que mudou a noção de tempo e espaço. O item seguinte falou em Seja Beta, pois o mundo está sempre mudando e todos os processos podem ser sempre avaliados e aprimorados. Para citar a sétima premissa, Sônia fez uma metáfora com o futebol, fazendo referência à relação do zagueiro com o restante do time: Pense à Frente – a necessidade de conhecer tendências.  Pense Alto é o oitavo item do estudo, que salienta que todos podem fazer a diferença no mundo e que este pensamento não é mais uma utopia.

A premissa de número nove destaca a mistura das gerações Y e Z e a necessidade de todos ajudarem ao mesmo objetivo, por isso foi chamada de Seja Colaborativo, pois nenhum conhecimento é formado por apenas uma pessoa. O décimo item vai além da prática e diz Seja Intuitivo, para que seja possível unir o autoconhecimento aos instintos próprios e, assim, seja possível reconhecer respostas fora dos lugares óbvios. Para finalizar, a última premissa registra Seja Útil e a etapa final de um vídeo apresentado aos poucos diz: “Temos informações demais e tempo de menos, vamos mudar a vida das pessoas”.

As 11 premissas extraídas do estudo The Communication (R)Evolution

#1 BE TRUE – Seja verdadeiro
Autenticidade e transparência são requisitos básicos na comunicação interpessoal ou entre pessoas e veículos. Informações falsas, tendenciosas ou incompletas são rapidamente desmascaradas. As pessoas detectam, com facilidade, o que não é genuíno.

#2 BE TRUSTED – Seja confiável
A credibilidade passou a ser o principal ativo de marcas e profissionais. Consumidores querem curadores confiáveis, que formem e informem. As pessoas podem concordar ou não com o que você pensa, mas precisam perceber que você é consistente.

#3 BE PART – Faça parte
Encastelar-se na torre de marfim não faz mais sentido. O poder está na proximidade, na participação, no compartilhamento. O fundamental é fazer parte da conversa – e não estar no centro dela.

#4 BE PLURAL – Seja plural
É importante levar em conta todos os ângulos de qualquer informação. Você pode e deve ter a sua opinião, mas não pode mais tratá-la como verdade absoluta. É preciso contextualizar e tolerar diferentes opiniões.

#5 THINK MOBILE – Pense mobile
A tecnologia mobile propõe novas formas de participação e convivência a partir da portabilidade dos smartphones e de suas múltiplas aplicabilidades. O celular reinventou nossa noção de tempo e espaço.

#6 BE BETA – Seja beta (sempre mudando)
Ser “beta” é admitir que todos os processos podem ser avaliados e aperfeiçoados. Somos melhores na medida em que aceitamos nossas imperfeições e não nos envergonhamos ou escondemos nossos erros.

#7 THINK AHEAD – Pense à frente
Nem sempre estar de acordo com a maioria é estar certo. Às vezes, é preciso arriscar-se além do senso comum, ser disruptivo, explorar ideias que serão tendência no futuro. Acelerar o passo é uma contingência em um mundo que se move cada vez mais rápido.

#8 THINK HIGHER – Pense mais alto
Pessoas e empresas precisam ter propósitos que vão além dos seus interesses imediatos. O objetivo de contribuir, de alguma forma, para um mundo melhor não é mais uma utopia para poucos e heroicos abnegados. Conectados, todos podem fazer diferença.

#9 BE COLLABORATIVE – Seja colaborativo
Nenhum conhecimento é construído por uma única pessoa. Boas experiências devem ser compartilhadas. Um mundo em rede é um mundo cujo alicerce é o contato interpessoal e a troca de conhecimento.

#10 BE INTUITIVE – Seja intuitivo
O futuro, por vezes, pode ser uma volta ao passado ou à simplicidade. Ser sincero e autêntico implica autoconhecimento e confiar nos próprios instintos. É preciso ter coragem, mas demonstrar lógica sem deixar a intuição de lado.

#11 BE USEFUL – Seja útil
Temos informações demais e tempo de menos. É preciso prestar um serviço ao público – seja informando, formando, divertindo ou emocionando. Sem entender as necessidades do público não é possível ocupar espaço em sua vida.