Projeto da L&PM incentiva doação de livros para escolas

Pró-biblioteca foi aderido por 30 empresas no Rio Grande do sul, no Paraná e em São Paulo

No Estado, 260 escolas poderão ser beneficiadas - Divulgação

O projeto Pró-biblioteca, da Editora L&PM, busca incentivar empresas a doarem livros para escolas públicas foi aderido por 30 empresas no Rio Grande do sul, no Paraná e em São Paulo neste ano. A ação beneficiou mais de 1.800 milhão pessoas de 1.160 escolas, em 200 cidades localizadas no interior e nas capitais brasileiras. No Estado, 260 instituições de ensino poderão ser beneficiadas, cada uma como uma média de 400 alunos, cada.

Chancelado pela Lei Rouanet de incentivo à cultura, a iniciativa tem como propósito equipar e atualizar as bibliotecas de escolas públicas, com a finalidade de colaborar na formação dos jovens. Outra missão é incentivar a literatura entre a população que utiliza os acervos das bibliotecas comunitárias no País. O relatório do Banco Mundial divulgado em fevereiro de 2018 registra que o Brasil pode levar 260 anos para atingir o mesmo nível de leitura de alguns países desenvolvidos.

São 200 títulos disponíveis de referências infantis, infantojuvenis e de literatura em geral, nacional e estrangeira. O acervo foi concebido por meio de pesquisa realizada por uma equipe de professores, seguindo as exigências pedagógicas do Ensino Fundamental e Médio, com a curadoria da Editora L&PM. Também foram consideradas as leituras obrigatórias e recomendadas para os vestibulares de todo o País.

As entregas dos kits às bibliotecas das escolas começaram em maio e seguem até agosto deste ano. Para o diretor da L&PM, Paulo Lima, "este é um projeto que veio para ficar, pois é uma forma de investimento direto na formação dos jovens brasileiros". A responsável pela captação de patrocinadores para o projeto Pró-biblioteca é a Polia Soluções de Marketing, empresa especializada em crescimento de vendas.

Nesta fase, a iniciativa disponibiliza 300 bibliotecas, das quais 67 serão entregues ainda neste primeiro semestre de 2019. Essas 300 bibliotecas contém um total de 60 mil livros, o que impactará 600 mil pessoas. Mais detalhes podem ser consultados no site https://pro-biblioteca.com.br.

Comments