Os presentes que o trabalho nos dá

Por Grazielle Araujo

"(...) O acaso vai me proteger, enquanto eu andar distraído (...)". Ah, Titãs, obrigada por inspirar o texto de hoje. Ousadia a minha começar mais um texto com um trecho de música, mas quando o coração está em evidência, não há nada melhor para refletir do que boas letras.

Trabalhar com comunicação te abre portas, janelas, estradas. Permite boas risadas, usar alpargatas, agregar leveza à seriedade dos fatos. Faz com que a gente perca o medo de perguntar, acho até que criamos um óleo de peroba natural no organismo. Metida por natureza, o querer estar bem informada de tudo me mostrou que isso só agrega. Mas o melhor de tudo, de verdade, são as pessoas que cruzam o caminho. Nas reuniões, nas salas de espera, nas redações, em telefonemas. Mas aquelas que dividem o dia a dia, ah, essas são sorte do destino.

Os ciclos da vida te fazem entender que nada e nem ninguém vem ou vai em vão. E tem as que ficam. Aquelas que sentem, que ensinam, que somam, que entendem olhares. Que ficam no topo dos contatos do WhatsApp, dos Direct do Instagram, das marcações no Facebook. Com todo o respeito pelas amigas da infância que eu tanto amo, os anos de amizade não significam necessariamente que as novas relações não sejam verdadeiras e confiáveis.

Claro que nesta positividade particular e na mania de achar que todo mundo é legal, tem decepções no caminho. Ensinamentos da vida, mas não um recado para não fazer de novo. Sim, sou do time que se joga de cabeça e ouso dizer que não saberia atuar em posição de defesa. Porque energia se sente, se completa e quando é de verdade e recíproca, entra para a vida.

Autor
Grazielle Corrêa de Araujo é formada em Jornalismo, pela Unisinos, pós-graduada em Marketing de Serviços, pela ESPM, e com MBA em Propaganda, Marketing e Comunicação Integrada, pela Cândido Mendes. Atualmente é chefe de Comunicação Social na Casa Civil do Rio Grande do Sul. Também responde pela Comunicação Social da Sociedade de Cardiologia do RS (Socergs) e da Associação Gaúcha para Desenvolvimento do Varejo (AGV). Tem o site www.graziaraujo.com.

Comments