Grupo RBS registra lucro com rádio Gaúcha e Zero Hora

Números de 2018 foram resultado de uma melhor gestão de despesas

Grupo RBS - Reprodução

Ao publicar seus balanços anuais, o Grupo RBS registrou resultados bastante positivos das empresas rádio Gaúcha e Zero Hora, em 2018. A primeira, que faturou no ano passado 6% a mais que em 2017, conseguiu produzir um lucro líquido 74% maior. O alto número se deveu à maior eficiência operacional: reduziu R$ 5 milhões nos custos operacionais e administrativos de um ano para outro (quase 8% do faturamento).

Também teve uma incidência proporcionalmente menor de imposto de renda (IR) e contribuição social (CS) (embora o lucro maior), pois se valeu da possibilidade de descontar valores relativos à propaganda política oficial. Com isto, o significativo crescimento em relação ao ano anterior (R$ 3,7 milhões a mais) significou uma rentabilidade sobre a receita de quase 14%.

Zero Hora também tem razões pra comemorar: apesar de queda no faturamento de quase 5% em relação a 2017, reverteu aquele prejuízo de R$ 1,2 milhão, para um resultado positivo de R$ 17 milhões no último ano. Esta última cifra significou uma rentabilidade de 6% sobre o faturamento. Contribuiu para a formação deste resultado, uma melhor gestão das despesas. Somados os custos operacionais e as despesas administrativas e comerciais, houve redução de R$ 37 milhões no período, ou seja, 13% menos. Então, se a receita cai cinco pontos, mas a despesa 13, o resultado é de maior lucro.

Outro fator que favoreceu o cenário foi a redução do endividamento, com consequente queda das despesas financeiras do exercício e a diminuição de 20,5 para 3,7 milhões de reais de um ano para outro. Também beneficiada pela redução do IR e CS a pagar, o resultado não poderia ser diferente: um lucro substancial e a reversão do prejuízo anterior.

Comments