GaúchaZH registra picos de acessos três vezes maior que site de Zero Hora

Plataforma digital que unificou conteúdo de ZH e da rádio Gaúcha entrou no ar nesta quinta

Nova plataforma digital do Grupo RBS, o GaúchaZH registrou picos de acesso três vezes maior que o site de Zero Hora, conforme informações da empresa de mídia. O veículo online, que entrou no ar na manhã da quinta-feira, 21, reúne conteúdos de ZH e da rádio Gaúcha. Segundo a assessoria de imprensa do grupo, o número de assinaturas digitais cresceu 35% no lançamento em comparação com as últimas três semanas.

Nos destaques está o programa Saia de Redação, com as jornalistas Amanda Munhoz, Débora Pradella e Kelly Matos, que ficou entre os cinco assuntos mais acessados no dia. No dia do lançamento, GaúchaZH disponibilizou duas reportagens especiais que também ficaram entre os conteúdos mais acessados da quinta-feira. Uma das matérias era do Grupo de Investigação (GDI), que percorreu 80 trechos em 65 vias de Porto Alegre e localizou pontos problemáticos no asfalto da Capital, e outra mostrou os maiores desastres ambientais do Rio Grande do Sul e o que eles ensinaram aos gaúchos. Nesta sexta-feira, 22, o mapa da violência e as camisas históricas de Grêmio e Internacional estão entre os principais conteúdos acessados pelos usuários.

A empresa também salienta que o engajamento nas redes sociais da plataforma foi o maior das últimas três semanas, com o dobro de curtidas e compartilhamentos e o triplo de comentários. No dia do lançamento, a #GaúchaZH ficou nos trending topics em Porto Alegre e no Top 3 Google Trends Brasil.

Os comentários na página de GaúchaZH no Facebook mostram que os leitores estão divididos quanto à novidade. Alguns apoiaram as mudanças e outros lamentaram. Veja algumas manifestações dos usuários:

Reen Castro Show - Sempre é bom renovar e se adequar cada vez mais neste novo cenário da convergência. Não vou desejar sucesso, pois isso vocês já tem, só desejo que invistam mais em jornalistas mais profissionais e menos tendenciosos para que de fato ocorra o jornalismo que os receptores (que agora também são emissores) tanto esperam.

Paulo Maciel - A única novidade que vi é que agora os conteúdos para ler são limitados. Para ler a vontade é preciso assinar...

Orlando Langoni - Parabéns Grupo RBS! Parabéns GaúchaZH!

Taíse Barcelos - Está ruim. Já tinha login e senha, que agora não acessam!

Jack Goldani - Com certeza perderão mais leitores ainda, querendo cobrar por tudo que publicam. Quando quero me informar, acesso o Correio do Povo. Vão acabar desvalorizando a audiência de vocês, e com certeza perderão anunciantes.

Jorge Olavo - Parabéns, agora passou a denominação a "enciclopédia da informação" abraço.

Comments