Notícias de mercado da comunicação do RS.

Home Colunas Líquido

Líquido

Compartilhar
,

Foi Zygmunt Bauman, sociólogo polonês (falecido há pouco, em janeiro de 2017, aos 91 anos), quem preconizou o conceito de uma sociedade líquida. Relações e mesmo certezas líquidas, que escorrem pelo vão dos dedos, como ele mesmo disse. O drama da pós-modernidade, num universo de incerteza, válido tanto para relações pessoais quanto para as convicções (o indivíduo obrigatoriamente se revisita).

Pois não é estranho constatar que o mesmo está ocorrendo com as corporações. Vejo diversos exemplos de grandes organizações (com muitas décadas de existência e, teoricamente, de ‘certezas’) que estão sendo obrigadas a transformarem seus modos de fazer e antes disto, de pensar seus negócios. Cito dois exemplos: McDonald´s e Nestlé.

Organizações de porte e trajetórias inquestionáveis. Seriam quase as certezas tornadas líquidas, no que seria uma visão corporativa (se o mesmo tivesse voltado seu olhar para esta área) de Zygmunt Bauman.

O McDonald´s foi pressionado por dois fatores: pais mais informados e atentos (a geração Millenial) acerca de uma alimentação mais saudável. Além disto, para ficarmos no McDonald´s do Brasil, o fenômeno das hamburguerias artesanais. Lentamente (escorrendo pelo vão dos dedos, como diria Bauman), mudanças na percepção ou informação dos clientes forçaram a empresa a mais mudanças, senão para sobreviver (visto que ainda é um gigante) para manter-se competitiva e dentre os líderes. Mudanças no cardápio, mudanças na comunicação, no atendimento, nos serviços. Uma das apostas: um cardápio mais saudável quanto possível (para uma hamburgueria) durante a semana e mais permissivo nos finais de semana. Além disto, autoatendimento, com o cliente podendo montar seu lanche e efetuar o pagamento com cartão, bastando apenas  apanhar seu lanche no balcão. Além, é claro, de mudanças nas cores do ambiente interno (tornando-o mais aconchegante) e várias outras.

Já a Nestlé, que está no Brasil há mais de 80 anos, está também se vendo obrigada a se reinventar, pois as certezas do mercado tornaram-se líquidas. Se em 1938 ela lançou um dos seus líderes, o Nescafé, que dominou o mercado por décadas, hoje o cenário é outro. Ela lançou há anos atrás a Nespresso, máquina com cápsulas e diferentes sabores, surfando na onda da liderança e inovação por algum tempo. Porém, concorrentes (como a 3 Corações) abriram fogo e lançaram cápsulas compatíveis com as máquinas da Nestlé, fazendo a empresa perder mercado. Novamente, ela teve de se reinventar (ou no caso, retornar às origens) para não perder mais mercado: lançou um blend de café voltado a bares, cafeterias, restaurantes, padarias e lojas de conveniência, destinado a ser moído no momento do preparo, incluindo ainda uma máquina multibebidas desenvolvida na Itália. Procurou entregar ao mercado uma solução total ao problema que vem enfrentando.

Como se vê, a ‘liquidez’ de Zygmunt Bauman está escorrendo por todos os dedos, não apenas dentre os habitantes de nosso planeta; ela invadiu o ambiente corporativo e mesmo gigantes como Nestlé e McDonald´s não podem mais ficar apoiadas em suas certezas, pois caso contrário, o Market share é que vai escorrer por entre os dedos. Fiquemos atentos em nossas vidas pessoal e profissional.

Gokan – Apaixonados por sushi também no dia dos pais

Diga lá: qual pai não gostaria de ser homenageado com um almoço ou jantar no Gokan? No meu caso, gostaria de ser homenageado com almoço e jantar! Porque não há como cansar das delícias de lá. É um show de sabores, para deixar os paladares mais sensíveis ainda mais aguçados. Também, não é à toa: o cuidado extremo na seleção de fornecedores e ingredientes, um preparo como só o pessoal do Gokan sabe fazer, um atendimento nota 10, um ambiente diferenciado, qual pai não gostaria de experimentar estas delícias? Se já experimentou, não há problema: vá de novo. Demonstre todo o amor por seu pai e leve-o para conhecer ou revisitar o Gokan. Mas não precisa esperar até o Dia dos Pais: leve-o hoje e muitas vezes, até chegar o Dia dos Pais; então, convide-o novamente. Porque, não esqueça: o Gokan é para apaixonados por sushi e quem é apaixonado não cansa! www.gokan.com.br.

West Coast para os pais e para os filhos

Da Costa Oeste norte-americana vem a inspiração para a criação dos inúmeros produtos West Coast. Mirando (mas sabendo que abrange um público ainda maior) o trabalhador contemporâneo, através do estilo casual-rústico, seus produtos (de calçados a confecções) são o que há de melhor para presentear seu pai. Com 30 anos de existência, presença em mais de 40 países, com mais de seis mil pontos de venda e distribuidores no Brasil (não vai dar para aparecer com a desculpa de que não encontrou um perto de você para comprar o presente do seu pai), a empresa (de mais de 1.100 colaboradores) encontrou o jeito certo de fazer. Qualidade, design e uma levada descolada nos pés e no vestir, não há como não se encantar com o diferencial West Coast. Na dúvida de qual calçado (as botas têm um destaque ainda maior, mas os sapatos, os sneakers…) ou peça de vestuário comprar para você e para o seu pai, abra a carteira e compre várias! Você definitivamente não vai se arrepender e vai andar com grande estilo, adquirindo produtos de alta qualidade e, como eu disse, toda a inspiração na Costa Oeste norte-americana. Já sei: acha que estou exagerando, não é? Pois vá agora mesmo comprar para você e para o seu pai em www.westcoast.com.br!