O que vale mesmo é a lição que aprendemos com cada oportunidade

Os dados dos clientes não são teus, nem meus, nem nossos. São deles, compõem o trabalho realizado para eles, mesmo que administrados por outro alguém. Já a história construída, a reputação, o reconhecimento público, a gratidão pelos anos de convívio e a confiança, esses são compartilhados.

Vivemos no mundo do 'estamos', ou como diz meu amigo Dado Schneider, do 'ficar'. Somos o que devemos ou queremos ser, mas é permitido mudar de opinião e numa boa. Na vida, na profissão, no papel de pais e de filhos também, por que não?

Somos ciclos. Santos que batem. Pensamentos afins. Chegar ao fim não significa que tudo acabou. É o velho ditado do 'foi bom enquanto durou'. É mais prazeroso quando o que foi bom fica. Na memória, em fotos, em pautas e em derrotas também. Não dá para se apegar. As coisas e as pessoas vão, algumas voltam, outras testam novos jeitos de ser, de trabalhar, de investir.

Ao longo da caminhada juntos, muitos colecionam falhas, vitórias, discussões, críticas construtivas. Tem muita mistura de sentimentos envolvidos, por vezes até conflitos de gênero mesmo. TPM, idade, crenças, facilidades, tempo de convívio. Não é fácil lidar com tantas coisas numa tranquila sempre. Mas também não custa fazer um esforço para ser mais de boa. O dia a dia fica mais leve, a consciência mais tranquila e o destino se encarrega de fazer o resto. Permita-se evoluir, reconhecer a qualidade do concorrente também, a oportunidade que se tem de aprender sempre. Tudo vale, não é? É muito mais ganha do que perde. São em momentos de apegos ou desapegos que aprendemos as melhores lições de vida.

Autor
Grazielle Corrêa de Araujo é formada em Jornalismo, pela Unisinos, e Pós-graduada em Marketing de Serviços, pela ESPM. Atualmente cursa MBA em Propaganda, Marketing e Comunicação Integrada. É a responsável pela Comunicação Social do IPERGS. Atuou ainda na comunicação da Martins + Andrade, Uffizi, CDL Porto Alegre, Centro, Palácio Piratini e Assembleia Legislativa. É apaixonada por escrever, acredita na comunicação integrada e estuda para se tornar ? também ? profissional em Planejamento. Tem o site www.graziaraujo.com.

Comentários