Notícias de mercado da comunicação do RS.

Home Notícias TVE quer formalizar acordo de cooperação com entidade chinesa

TVE quer formalizar acordo de cooperação com entidade chinesa

Parceria visa à exibição de conteúdo televisivo gerado na China e à aquisição de equipamentos com contrapartida na cedência de programação local
Compartilhar
,

O presidente da Fundação Piratini, Orestes de Andrade Jr., reuniu-se nesta terça-feira, 18, com comitiva acadêmica do Instituto Confúcio (IC)-Ufrgs – voltado ao ensino da língua e da cultura chinesa para as comunidades gaúchas – a fim de formalizar um acordo de cooperação e intercâmbio com a entidade. A parceria, se fundamentada, prevê exibição de conteúdo televisivo gerado na China e aquisição de equipamentos com contrapartida na cedência de programação local.

Dentro de 60 dias, deverão ser assinados o termo de cooperação e a minuta do acordo da parceria que também envolverá as secretarias de Comunicação e de Cultura, Turismo, Esporte e Lazer. Na ocasião, os representantes do instituto demonstraram interesse na troca de conteúdo audiovisual, com viabilidade de ampliação em outras áreas. “Buscamos, neste novo modelo que estamos implantando na TVE, ampliar as parcerias com entidades com a garantia da contrapartida, exigência dos órgãos fiscalizadores, promovendo e valorizando o que produzimos da cultura gaúcha”, apontou Orestes.

Entre as definições, conforme a professora titular de Literatura e diretora brasileira da Ufrgs, Rita Terezinha Schmidt, estão a participação de um fundo de investimentos chinês para obtenção e aporte de recursos na cooperação, além do aval da Fundação de Apoio da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Faurgs). Também participaram da reunião o gerente de Planejamento e Gestão da Ufrgs, Athos Moreira da Silva; o assessor Internacional da Sedac, Dilmar Portela; e o professor associado de Literatura e diretor chinês Tiejun Gu.

Com cinco anos de atuação, o Instituto Confúcio ministra, atualmente, cursos para mais de 530 estudantes na Ufrgs e conta com outras nove representações em outros estados brasileiros. O Instituto foi fundado pela cooperação entre a Ufrgs e a Universidade de Comunicação da China (UCC) e a sede matriz está localizada em Pequim, na China.