Ação de Natal da ESPM leva salão de beleza a lar de idosos

Evento marcará também o lançamento de livro produzido por alunos sobre as experiências de vida dos moradores

Iniciativa de Natal envolve comunidade acadêmica - Divulgação

Uma ação de Natal da ESPM possibilitará, neste sábado, 8, a operação de um salão de beleza no Lar dos Idosos Gustavo Lordlund (Rua 19 de Fevereiro 426 - Rubem Berta), em Porto Alegre. A instituição, criada na década de 1940 por um missionário sueco, atende a cerca de 70 pessoas em situação de vulnerabilidade social e econômica. A iniciativa é parte da ação de Natal 2018 - Contadores de Histórias do Núcleo de Ações e Projetos Sociais (Nuve) da ESPM, e envolve os estudantes dos cursos da escola.

O salão, cuja primeira sede foi lançada em 2017 no Lar Dom Guanella, também com apoio do Nuve, segue o conceito de escuta afetiva, em que o voluntário prestador de serviço estimula o cliente a contar sua história como forma de pagamento. Neste ano, o projeto vai reformar um espaço subutilizado no Lar de Idosos Gustavo Lordlund.  A Diosa - empresa prestadora de serviços de reforma e construção, cujo quadro de funcionários é 100% formado por mulheres - fornecerá a mão de obra necessária.

Além do salão de beleza, o projeto contempla um livro com histórias dos moradores do Lar. Alunos do curso de Jornalismo passaram uma tarde com os idosos, que compartilharam suas experiências de vida. Os relatos serão transformados em um livro de histórias, lançado simultaneamente à inauguração do salão. A instituição receberá 500 cópias. O lançamento do livro também acontecerá durante o evento deste sábado. Os voluntários cuidarão dos idosos no salão, preparando-os para a sessão de autógrafos dos livros. O valor arrecadado com a venda dos mesmos será revertido para a manutenção do Lar Gustavo Lordlund.

Ainda para arrecadar fundos para a execução do projeto, a ESPM realizou um Bazar de Natal com o apoio de alunos e professores, em parceria com o Brick de Desapegos, feira de moda sustentável, que incentiva o consumo consciente. A escola também desenvolveu uma campanha de doação de presentes para os idosos e de itens necessário para equipar o salão de beleza como esmaltes, maquiagens, tinturas para cabelo e secadores. E empresas como Mirage, Ferragem Nunes, Colormix, YouHair, Mari Kalil, Movelaria, marcenaria Hasse, produtora EYXO e Moda Casa têm contribuído com doações de materiais.

Para a coordenadora do Nuve da ESPM, Liliane Basso, o projeto conecta pessoas, valoriza a economia local e desenvolve presentes com valor emocional. "Por trás de cada indivíduo, existe um desejo, uma lembrança e uma trajetória", defende e acrescenta: "Queremos que a doação traga significado e que o presente seja reflexo de um desejo expresso em momentos de atenção e respeito construídos de forma colaborativa".

Comments