Sebrae RS tem hub phygital de Inovação no Tecnopuc

Inaugurado nesta segunda-feira, espaço visa fomentar novos negócios e soluções inovadoras

Espaço foi inaugurado nesta segunda-feira - Gustavo Moreira

A partir desta segunda-feira, 27, o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Rio Grande do Sul (Sebrae RS) oferece um novo espaço para o fomento de novos negócios e soluções inovadoras: o SebraeX Hub. Localizado no Parque Científico e Tecnológico da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), no prédio 99A do Campus Central (Avenida Ipiranga, 6681, bairro Partenon, em Porto Alegre), o ambiente tem a proposta de design moderno que possa ser usado para ações phygital, ou seja, tanto físicas como on-line.

A estrutura de 34 metros quadrados receberá atividades desenvolvidas pelas duas organizações. Conforme o gestor de projetos do Sebrae RS para a área de Inovação, Gustavo Moreira, o hub será um local de oportunidades em empreendedorismo para estudantes, professores e profissionais.

O dirigente explica: "É um ponto de encontro que fortalece ainda mais o nosso objetivo de estimular o networking, promover capacitações e a troca de experiências que, consequentemente, gerarão novos negócios dentro do ecossistema de inovação gaúcho".

Sebrae 

Há mais de 40 anos, a entidade privada promove a competitividade e o desenvolvimento sustentável dos empreendimentos de micro e pequeno porte (com faturamento bruto anual de até R$ 4,8 milhões). O foco é no fortalecimento do empreendedorismo e na aceleração do processo de formalização da economia por meio de parcerias com os setores público e privado, programas de capacitação, acesso ao crédito e à inovação, estímulo ao associativismo, feiras e rodadas de negócios.

As iniciativas visam atender desde o profissional que pretende abrir seu primeiro negócio até pequenas empresas que já estão consolidadas e buscam um novo posicionamento no mercado. Para tanto, a organização oferece cursos, seminários, consultorias e assistência técnica para todos os setores.

Comments