Edição de número oito do CineSerra registra recorde de inscrições

Foram 131 trabalhos incluídos para análise nesta edição, seis a mais do que em 2020

Outro dado mostra que 86% dos trabalhos foram produzidos e/ou finalizados após março de 2020, ou seja, no período de pandemia - Crédito: Reprodução

O Festival do Audiovisual da Serra Gaúcha, o CineSerra, registra recorde no número em seu número de inscrições. Ao todo, foram 131 trabalhos registrados na oitava edição, seis a mais do que no ano anterior. De acordo com a organização do evento, no certame estadual o maior número de inscritos foi na categoria de ficção, com 30 trabalhos, enquanto na disputa regional a com mais pedidos de ingresso foi a de videoclipes, com 26 produções.  

Segundo o levantamento, o interesse no estadual faz crescer o Festival em diferentes municípios além da Serra Gaúcha, uma vez que nesta edição estão produções de 30 cidades do Rio Grande do Sul. Outro dado mostra que 86% dos trabalhos foram produzidos e/ou finalizados após março de 2020, ou seja, no período de pandemia. Apenas 14% dos projetos foram finalizados anteriormente.

No total, foram 73 inscrições para a disputa estadual, sendo 30 projetos de ficção, 22 videoclipes e 21 documentários. Na disputa regional, são 26 videoclipes, 17 ficções e seis documentários. Em webséries, foram nove, sendo sete ficcionais e duas não-ficcionais.

O Festival acontecerá entre 12 e 27 de junho. Também contará com exibições em Bento Gonçalves, Canela, Cotiporã, Flores da Cunha, Garibaldi, Gramado, Nova Petrópolis, Porto Alegre e Torres. Os recursos para a realização do evento foram captados por meio da Lei de Incentivo à Cultura (LIC) de Caxias do Sul. Nesta edição, os parceiros culturais são: BitCom, Empresas Randon e o Instituto Elisabetha Randon.

Comments