Jairo Jorge apresentou propostas no segundo dia de debates da ARI

Pré-candidato ao governo do Estado planeja criar um fundo para educação a partir dos lucros do Banrisul

O político foi o terceiro convidado para o debate, que ocorreu nesta quarta-feira,8. - Reprodução

Ao ser entrevistado no Painel Eleitoral da Associação Riograndense de Imprensa (ARI), o pré-candidato ao governo do Rio Grande do Sul pelo PDT, Jairo Jorge, exibiu sua visão sobre o Estado e as propostas que estabelecerá caso seja nomeado o novo governador dos gaúchos, em 2019. O político foi o terceiro convidado para o debate, que ocorreu nesta quarta-feira, 8, às 10h. Para conduzir o encontro, estiveram presentes os jornalistas Renato Dornelles, do Diário Gaúcho, e Patrícia Comunello, do Jornal do Comércio.

O entrevistado apontou como problemas do Estado a estagnação econômica, estado burocrático, a escassez de infraestrutura e as desigualdades regionais. Citou Brizola ressaltando que já foi possível agir diferente em uma situação similar. Jairo Jorge disse acreditar em soluções inovadoras e que planeja criar um fundo para educação a partir dos lucros do Banrisul, o banco estatal gaúcho. "Existe sim uma saída para a crise do Rio Grande do Sul. Mas ela virá de atitudes inovadoras, não de métodos tradicionais", finalizou.

O pedetista ainda avaliou o plano de adesão ao Regime de Recuperação Fiscal e destacou: "Temos que traçar novos caminhos, deixar de olhar a crise para olhar as soluções, que devem ser mais eficientes e estruturais. O Estado tem que voltar a atenção para saúde, educação e segurança". No encerramento, o candidato se manifestou sobre a TVE e FM Cultura e salientou que pretende rever o projeto do Governo para a comunicação pública, bem como a extinção das fundações.

O Painel Eleitoral ARI prosseguirá nesta quinta-feira, 9, às 13h, com o entrevistado Miguel Rossetto (PT). Os encontros, que têm mediação da jornalista Edieni Ferigollo, acontecem no salão de evento da instituição (na Avenida Borges de Medeiros, 915) e são abertos a participação do público.

Comments