Pesquisa aponta RS com potencial de investimento em serviços on-line

De acordo com o estudo, isto representa a oportunidade de aperfeiçoamento de funções virtuais oferecidas pelo poder público e pelas empresas privadas

Publicação traz dados de uso de tarefas digitais públicas e privadas

Uma pesquisa feita pelo pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), revelou que, no Rio Grande do Sul, 95% da população afirma ter acesso à internet por meio do telefone celular. Entre elas, 85% dizem que já estavam adaptados ao mundo digital sem nenhuma ou pouca dificuldade. De acordo com o estudo, isto representa uma oportunidade para a ampliação e o aperfeiçoamento de serviços on-line oferecidos pelo poder público e empresas privadas. 

O levantamento foi realizado por telefone em todo o Brasil entre 6 de outubro e 10 de dezembro de 2020. "Nosso objetivo é apoiar o País, tanto no nível federal, quanto nos estados, municípios e empresas, a identificar fortalezas e oportunidades de melhoria na transformação digital", explica Morgan Doyle, representante do BID no Brasil.

A publicação também traduz em números a avaliação dos cidadãos do Estado aos serviços oferecidos pelos governos. No Rio Grande do Sul, assim como no resto do País, a parcela de cidadãos que aprovam os trabalhos é de apenas 7%. Foi observado também que o Estado atinge níveis mais elevados de satisfação ao realizar compras on-line, 83%, dando preferência por serviços privados. 

A publicação traz dados de uso de tarefas digitais públicas e privadas, avaliação dos serviços, preferência de uso dos serviços e dados de conectividade. Em todos os quesitos, o critério utilizado foi a autodeclaração dos entrevistados.

Comments